25 novembro, 2011Por Betty Girls

Betty People,

Imaginem a minha surpresa quando entrei no site do cinema na última sexta-feira e me deparei com A Chave de Sarah na programação… Quase surtei de ansiedade! Eu realmente não esperava pela exibição desse filme no Brasil.

Tratei de assisti-lo no final de semana e recomendo muito! Como eu já havia antecipado nesse post(http://www.bettys.com.br/dicas/a-chave-de-sarah/), o enredo do romance de Tatiana de Rosnay é lindo, triste, cruel, angustiante e surpreendente. O filme não deixa a desejar!

As cenas das prisões e do cárcere no Vélodrome d’Hiver são muito mais fortes e tristes vistas em imagens do que em palavras, de cortar o coração. A linguagem da produção cinematográfica e a adaptação ao cinema deixam um pouco a desejar e fazem perder alguns trechos do romance original. Mesmo assim, em geral o filme é lindo, poético, bem produzido e tem fotografias incríveis. A cena de Sarah correndo pelo campo de trigo – que estampa o cartaz do filme e consta no trailer – é das mais belas e emocionantes que já vi na telona! Inesquecível!

Abaixo o novo trailer legendado, para vocês ficarem com vontade de ver também!

Imagem de Amostra do You Tube

Muito obrigada à Imagem Filmes por nos conceder essa oportunidade!

Imagens: Reprodução

Postado por: Michelle Mariotto

0

25 novembro, 2011Por Cris Tamer

Versão linda de Sheryl Crow de uma música igualmente bela de Terence Trent D’Arby: “Sign your name”. Enjoy!

Imagem de Amostra do You Tube

“Fortunately you have 
Someone who relies on you 
We started out as friends 
But the thought of you just caves me in 
The symptoms are so deep 
It is much too late to turn away 
We started out as friends

Sign your name 
Across my heart 
I want you to be my baby 
Sign your name 
Across my heart 
I want you to be my lady

Time I’m sure will bring 
Disappointments in so many things 
It seems to be the way 
When you’re gambling cards on love you play 
I’d rather be in Hell with you baby 
Than in cool Heaven 
It seems to be the way

Sign your name 
Across my heart 
I want you to be my baby 
Sign your name 
Across my heart 
I want you to be my lady

Birds never look into the sun 
Before the day is gone 
But oh the light shines brighter 
On a peaceful day 
Stranger blue leave us alone 
We don’t want to deal with you 
We’ll shed our stains showering 
In the room that makes the rain

All alone with you 
Makes the butterflies in me arise 
Slowly we make love 
And the Earth rotates 
To our dictates 
Slowly we make love

Sign your name 
Across my heart 
I want you to be my baby 
Sign your name 
Across my heart 
I want you to be my lady”

0

25 novembro, 2011Por Cris Tamer

A nossa “tchurma” F*Hits organizou um amigo secreto muito legal este ano. Como nem todas as integrantes da rede moram em são Paulo, fizemos um amigo secreto ‘online’ com a ajuda da HERING (ideia genial!) para todas participarmos. Funciona assim: a gente entra no site, cadastra e cria um grupo, organiza a brincadeira e depois convida (tudo online!) os amigos. Cada um tem a opção de escolher o(s) presente(s) que quer ganhar e postar – anonimamente, claro! – recadinhos para seu amigo secreto. Agendamos um almoço em dezembro para trocarmos nossos presentes, e tenho certeza que será muito divertido. A ideia é ótima e facilita a vida de todos, já que tudo é ‘resolvido’ pelo site, e a gente pode, inclusive, determinar a faixa de preço do presente.

Interessou? Entre no site da HERING e veja como é fácil organizar tudo!

0

25 novembro, 2011Por Cris Tamer

Gente, vocês são como eu, que têm milhares (sim, milhares) de fotos tiradas, todas armazenadas no computador e raríssimas reveladas? Quando a gente se torna mãe, então, o problema se agrava: as fotos aumentam em projeção geométrica e fica bem difícil escolher uma entre as centenas tiradas em um único evento. Mas recentemente comecei a ‘por ordem no galinheiro’; bateu um medo de acontecer um ‘treco’ no meu computador e eu perder os registros importantes da minha vida e da minha família… Fiz uma sessão “desprendimento” (todas as fotos que a gente tira são tão lindas, não? rs), escolhi as mais relevantes e comecei a colocá-las em álbum. E para facilitar a minha (nossa) vida, descobri o site FOTOREGISTRO e o ícone FOTOLIVRO®, onde, com um pouquinho de tempo e paciência dá para montar álbuns lindos daquelas memórias que a gente não quer nunca que se percam ‘por aí’.

Achei um vídeo que explica o passo-a-passo bem rapidinho da montagem de um desses álbuns:

Imagem de Amostra do You Tube

Estou fazendo um do aniversário dos meus filhos que está ficando lindo! Depois quero fazer outro de fotos só com amigos, outro de festas e momentos especiais com a família, um de viagens… e por aí vai. O que não quero é continuar mais deixando minhas fotos armazenadas somente em “nuvens” ou na memória do meu computador, quero tê-las ali, lindas, bem à minha mão!

P.S.: Ao invés de quebrar a cabeça tentando inovar muito em um presente ou gastando ‘os tubos’ para surpreender alguém, porque não montar um álbum/livro com fotos que você sabe que irão deixa-lo mais feliz? Fiz isso em uma data especial e o presenteado amou! Disse que foi um dos melhores presentes que já recebeu na vida. é pessoal, carinhoso da parte de quem dá e original! #ficaadica

 

0