Score
5 novembro, 2012Por Cris Tamer

‘Chignon’ é o nome francês para coque, qualquer um deles: de bailarina, ‘banana’, de nó, redondinho, alto, baixo… E o ‘chignon romantique’ é só mais um nome para um dos penteados mais comuns entre as francesas, não necessariamente um coque, mas fácil, facílimo de fazer.  já nos desfiles de março vimos muitas mulheres com esse penteado (fizemos até um post sobre cabelos das convidadas nos desfiles), e agora em outubro não foi diferente, muitas delas o usavam nas ruas, lojas, desfiles, restaurantes, no trabalho… Eu mesma passei a usá-lo desde que aprendi a fazê-lo, e agora vocês poderão também aprender e, melhor, com várias dicas para dar certo “de cara” (já que apanhei um pouco no início no meu sistema de tentativa e erro…).

Então vamos lá! você vai precisar de:

– um elástico grande, daqueles que são para ser usados como tiara. Aqui, separei dois para vocês verem, um preto básico, liso, e outro bordado.

– grampos (dependendo do cabelo não será preciso)

– pomada (eu usei a S-Factor Spun Satin)

– spray (Vivacious Hairspray)

– spray de brilho (Shiny Happy People ou o Alfaparf Semi di Lino Diamante Illuminating Finish). Estes são opcionais mas dão um acabamento lindo ao penteado.

O cabelo pode ser dividido ao meio ou de lado. você decide!

Duas dicas para você ter melhores resultados: fica melhor se você fizer no cabelo um dia após lavá-lo; ele “segura” mais. Se o seu cabelo for oleoso, liso demais, ou que não segura muito nenhum penteado, use um pouquinho de pomada no comprimento. não exagere, senão fica muito pesado! Olha o quanto eu usei:

Vamos começar: coloque o elástico ao redor da cabeça, como colocaria uma coroa. Quanto mais frouxo o elástico, mais fácil fica arrumar o cabelo. Mas não pode ser nem muito frouxo, nem muito apertado, ambos não seguram o penteado.

Vá pegando mechas do cabelo, torcendo-as (pouco!) e prenda, uma a uma, atrás do elástico. Simples: mecha, torça, prenda. Mecha, torça, prenda. E assim vai ao redor de toda a cabeça. Só atrás que fica diferente (é mais fácil): é só prender o cabelo no elástico, sem se preocupar em torcer a mecha. não se preocupe em ficar muito ‘certinho’ ou arrumado, a graça está em ficar meio ‘messy’, bagunçadinho. Senão fica com cara de penteado de festa muito arrumadinho.

Os espaços que aparecem são simples de serem consertados: basta soltar a mecha e torcê-la menos antes de prendê-la atrás do elástico.

Aqui, antes de consertar os espaços.

Após soltar algumas mechas que percebi estarem espaçadas. Sério: é beeeeeeem fácil!

Pronto!

Vejam que lindo com o elástico bordado. O processo se repete, o resultado é o mesmo mas o acabamento é mais ‘bacana’ por causa do elástico com os cristais.

Eu não penteio muito o cabelo antes para ficar mais ‘displicente’. Eu acredito que a graça deste ‘chignon’ é mantê-lo assim, com cara de “eu mesma que fiz”.

Escondo os últimos fios e… pronto!

 

Spray fixador para finalizar e um pouquinho do de brilho também! Fácil, não?

Gostaram? Queremos saber o que acharam!

Para quem perguntou nos últimos posts, todos os produtos foram adquiridos no Beleza na Web, site com produtos ótimos (e preços idem) que entrega em todo o Brasil.

Publipost

Fotos: Bettys

1