Score
8 abril, 2013Por Betina Siegmann

Olá! Estou muito feliz de participar do Bettys com dicas de viagens!

A ideia aqui é dar dicas testadas e aprovadas, que hoje já divido no meu blog – tem a ver comigo – e, a partir de agora, dividirei algumas por aqui – espero que vocês gostem!

Para esse primeiro post escolhi dicas de Saint Barth já que é um destino que anda em alta e muita gente tem perguntado de lá.

– Infos básicas: Saint Barthelemy (ou Saint Barth/Saint Bart/Saint Barts para os “habitués”) é uma ilha francesa que fica bem pertinho de Saint Martin ou Saint Marteen, no Caribe.

– Como chegar: há alguns jeitos de se chegar em Saint Barth e praticamente todos passam por Saint Marteen/Saint Martin. Fiz um post explicando todos os detalhes de como se chegar lá, não deixa de ler!

– Ainda precisa de visto para os brasileiros entrarem em Saint Barth? NÃO para permanências até 90 dias.

– Moeda: A moeda oficial é euro, mas cartão de crédito é aceito em todos lugares, assim como dólar também.

- Quando ir? os melhores meses pra ir é entre dezembro e março, quando todos os restaurantes estão abertos e é mais badalado. Tem alguns meses do ano, que por ser época de furacão no Caribe, os hotéis nem abrem (é por volta de setembro e outubro)

– Precisa alugar carro? SIM pra poder passear bastante pela ilha de um lado pro outro. Alugar @Europcar, Avis, Hertz, Top loc, etc

– Dicas de passeios e praias?

As praias mais bonitas, na minha opinião, são:
– Governeur: super rústica, sem infra nenhuma, mas tem que conhecer – é linda linda linda.
– Saint Jean: é a praia ao lado do aeroporto e é linda. Ali tem o Eden Rock, o Nikki Beach, o Tom Beach – praia bacana de ir. Vale a pena almoçar nos 3! Tanto no Tom Beach como no Nikki Beach é possível alugar espreguiçadeiras, ombrelones e tomar uns drinks na praia!
– Saline: mesmo esquema de Gouverneur - , sem infra nenhuma, mas vale conhecer!
– Flamand: é a praia do Hotel Isle de France – super bonita e vale super a pena almoçar no Hotel. Eles tem um restaurante “pé na areia” literalmente e um outro dentro do Hotel, ambos super legais e com comida ótima.
– Colombier: praia linda e a dica é ir de barco lá (é “point”), mais abaixo nesse post dou a dica de aluguel de barco
– Grand Cul de Sac: é a praia do Hotel Le Sereno – ali é bacana de ir se for almoçar no hotel ou pegar um “day use” por lá. Almoçamos lá uma vez e adoramos – o hotel é super charmoso!
– Shell Beach: também é bem bonita e tem o “Do Brazil”, bar simpático e rústico.

Dependendo da época do ano, os hotéis legais topam que você pague por um “Day use” para curtir a sua infra. Em outros só é possível visitá-los se for para almoçar ou jantar!

- Aluguel de barco: Nós alugamos o nosso barco (foto) na Jicky Marine – dá pra alugar com e sem tripulação e para o dia inteiro ou meio período. Tem tanto Motor Boat (lancha) como Sail Boat (veleiro), dos mais variados tamanhos e bolsos! Programa imperdível para poder ver St Barth de outra perspectiva – sugiro passar por Colombier, Governeur e Saline!

- Restaurantes legais pra almoçar: Nikki Beach (ótimo – tanto a comida como o astral), La Plage@Tom Beach Hotel, Hotel Le Sereno (ótimo), Hotel Isle de France (tem o restaurante “pé na areia” e o outro – comida ótima), Hotel Eden Rock (Sand Bar), Do Brazil @Shell Beach. Importante: o almoço lá é cedo até 15:30hs e depois a cozinha fecha.

– Restaurantes legais pra jantar: Os meus dois favoritos são L’Isola (italiano top) e On the Rocks @Hotel Eden Rock (comida maravilhosa). Tem também o Bagatelle (novidade – fica no porto onde era o Le Bistrô) e o Strand (ao lado do Bonito – já fomos lá 2 vezes e curtimos). Um restaurante bem conhecido e charmoso é o Bonito, mas só vale ir lá quem for alucinado por ceviche, Outro restaurante bem conhecido é o Le Ti St. Barth – fomos uma vez, mas tava bem bode. Ouvi falar que é um lugar astral, mas pelo jeito erramos o dia!). Me deram a dica (alô João e Ivo!) do Le Gaiac @Hotel Le Toiny, como sendo imperdível…No geral lá o traje é relax – dá pra ir de bermuda, dá pra ir de jean ou mais arrumado, como vc quiser – tem de tudo!

– Pra comer fora de hora: Le Creperie em Gustavia, Le Piment no Villa Créole em St. Jean (nada demais, mas é um quebra galho), Maya’s to go (em frente ao aeroporto).
Imperdível: cupcake de chocolate no Maya’s to go… E olha que eu não gosto de cupcake.

– Compras: Cartier, Hermés, Louis Vuitton, Goldfinger pra quem quer comprar Rolex, Longchamp, Patek Philippe, Calypso – multimarca famosa… E o tax free é alto (15%). Ficam em Gustavia, bem na frente do porto.

Screen Shot 2013-04-07 at 23.25.05

– Onde se hospedar:

* Hotéis: Os hotéis mais top são Eden Rock (foto), Isle de France, Le Sereno, Guanahani, Le Toiny. Tem tmb o Christopher, Emeraude Plage, Tom Beach, Le Banane… Na primeira vez que fomos, ficamos no Emeraude Plage e foi ótimo! Pra todo mundo que dou essa dica, adoram! O Hotel tem um ótimo custo-benefício para St. Barth (os hotéis são bem caros lá), fica na praia de Saint Jean (maravilhosa) e é bem localizado. não tem muita mordomia (é tipo um flat), mas os quartos são chalézinhos espaçosos e bem decorados e o hotel é “pé na areia”.

Screen Shot 2013-04-07 at 23.26.51

* Alugar uma casa: St. Barth é cheio de casas (Villas) legais para alugar e é esse foi o nosso esquema na segunda ida (essa é a nossa casa na foto acima). Fiz um post com TODOS os detalhes sobre alugar uma casa lá – nós amamos!

Tem vários sites para alugar villas: Wimco (onde eu aluguei), St. Barth.com,  St-Barths.com, St Barts Villas (o dono é o francês Jean-Loup Ducray, super prestativo)

– Dica exxxxperta: alguns amigos tinham me alertado que é normal a mala ser extraviada a caminho de St. Barth seja no trecho Miami – St. Martin ou acontecer de ela não caber no aviãozinho de St. Martin para Saint Barth e ir só no dia seguinte… E isso de FATO aconteceu comigo nas duas vezes. Como tinham me dado a dica de levar um “kit de sobrevivência” na mala de mão (nãocessaire, biquíni, roupa pra jantar fora no primeiro dia, chinelo, saída de praia, etc) e  isso me salvou e economizou mau humor porque não me pegou desprevenida!

– Academia: pra quem quiser malhar durante a estadia em St Barth, lá tem uma academia bem bacana (pertinho de Gouverneur) que se chama Forma Form Fitness e o fone é 0590-27-51-23

Todas as minhas dicas de St Barth estão reunidas aqui

Postado por Betina Siegmann

19